Seção brasileira do Comitê por uma Internacional dos Trabalhadores

Seção brasileira do Comitê por uma Internacional dos Trabalhadores

Receba o Boletim Eletrônico da LSR!

 
Sindicato da Alimentação São José dos Campos – Muitas lições para a Conlutas Imprimir E-mail
André Ferrari - 17 de julho de 2008

O sindicato dos trabalhadores nas indústrias de alimentação de São José dos Campos e região sempre foi uma referência de combatividade no movimento sindical. Foi um dos primeiro sindicatos a se desfiliar da CUT e filiar-se à Conlutas, jogando um papel central na luta dos trabalhadores em toda a região do Vale do Paraíba no estado de São Paulo.

Infelizmente, no último período, o sindicato foi palco de um dos processos mais desgastantes e desmoralizantes que deve servir de alerta para toda a Conlutas e o conjunto do processo de reorganização sindical e popular.

Diante de um processo eleitoral para a renovação da diretoria, um grupo de diretores do sindicato decidiu adotar a política do vale-tudo na disputa pelo controle efetivo do aparelho. Decidiram formar um chapa vetando, entre outros, o principal dirigente do sindicato e um dos nomes mais conhecidos das lutas operárias na região, o companheiro Joaquim, conhecido como ‘Boca’.

Mesmo depois de uma luta insistente pela convocação de uma Convenção da Conlutas na categoria que poderia formar de forma democrática uma chapa unitária, esses diretores, agora amparados pelas duas principais forças políticas da Conlutas na região, a CST e o PSTU, optaram por provocar a divisão da Conlutas.

Processo eleitoral irregular

Mas, não foi só isso. A diretoria e a chapa 1, apoiada pela CST (majoritária na chapa) e PSTU, não apenas organizaram o processo eleitoral de forma totalmente irregular, como também passaram a utilizar todo tipo de baixarias e calunias na campanha. O companheiro Joaquim que até bem pouco tempo era um reconhecido dirigente da Conlutas e do PSTU, repentinamente, nas páginas do boletim da Chapa 1, tinha se transformado num pelego bancado pelos patrões!

Esse tipo de campanha mentirosa e moralmente baixa, sem apresentar qualquer prova, não serve aos trabalhadores. Só serve para desagregar, dividir e desmoralizar o movimento sindical combativo. A prática de fazer acusações morais contra quem apresenta divergências não é a prática da esquerda socialista democrática, é uma prática do stalinismo que devemos banir de entre nós.

A divisão da Conlutas no sindicato da Alimentação de SJC e região é de responsabilidade dos setores majoritários da Conlutas no Vale do Paraíba. O conjunto da Conlutas deve fazer um balanço desse processo e reafirmar a necessidade de Convenções unitárias para definir democraticamente a formação de chapas nos diferentes sindicatos onde houver divergências.

As irregularidades no processo eleitoral do sindicato – não respeito aos prazos, a inscrição da chapa 1 antes da votação de um regimento eleitoral e de formação de uma comissão eleitoral, a não entrega de lista de sócios correta e no prazo, as intimidações, etc – levaram a um profundo questionamento das eleições realizadas nos dias 12 e 13 de junho.

A justiça chegou a cancelar o processo, mesmo assim as eleições acabaram acontecendo sem a participação da Chapa 2. Ainda existe uma pendência judicial sobre o processo eleitoral. Mas, o mais importante é o questionamento da base da categoria. A maioria dos sócios do sindicato não votou na Chapa 1, optando por deixar de votar ou, mesmo sem a participação da Chapa 2 na coleta de votos, decidindo assinalar o voto nessa chapa de oposição. A legitimidade da atual diretoria está seriamente questionada.

Balanço necessário

O momento agora é de enfrentar os patrões na campanha salarial da categoria. Mas, também é urgente que a Conlutas faça um balanço desse processo e que conjuntamente possamos evitar que esse tipo de prática se repita. De nossa parte, estamos ajudando a construir na região uma alternativa sindical de luta, democrática e que combata esse tipo de prática sindical burocrática, sectária e aparelhista. O que está em jogo é o futuro da Conlutas e do processo de reorganização sindical no país.

Comentários
Adicionar novo Busca RSS
Daniella Monteiro  - estagiaria   |20-12-2009 17:06:32
Gostaria de saber se trabalham com estagiaria em serviço social. Obrigada Daniella
Sonia Iancio  - DATA BASE   |18-06-2010 20:20:34
QUAL E A DATA BASE DESTA CATEGORIA?
natalia  - denuncia   |18-09-2010 20:01:34
denuncio q os empregados da cozinha renome reficoes prestadora deserviços da schain estao com os
salarios abaixo do piso salario nao estao recebendo as horas extras e estao sendo obrigados aceitar
humilhaçoe de seus empregadores a empresa fica situada na rodovia dos tamoios km52 praibuna por
favor ajude nos uma pessoa desta empresa pede sua ajuda
Luis  - Denuncia   |24-02-2011 10:20:27
Funcionários da Tpc presta serviços para J.MACEDO, estão trabalhando além da jornada de
trabalho. Área administrativa principalmente, estão entrando 08:00 manha saindo as 18:20 da tarde
e retornando as 23:00 para no outro dia trabalhar normalmente...ABSURDO, Escravidão ja acabou
PURA INDIGNAÇÃO  - lideres e coordenador   |15-06-2011 09:03:38
NO TERCEIRO TURNO DA TPC O `SUPERVISOR ´E ALGUNS LIDERES DO TERCEIRO TURNO TRATAM OS TRABALHADORES
COMO CACHORROS ISTO É INACEITAVEL EM UMA EMPRESA QUE TEM UM PORTE COMO A TPC QUE ATUA EM DIVERSAS
AREAS ,O QUE SE FORMOU NESTE TURNO E QUE AQUELES QUE TRABALHAM BRAVAMENTE PARA QUE A EMPRESA POSSA
CRESCER CADA VEZ MAIS SÃO MANDADOS EMBORA COM DESCULPAS ABSURDAS UM EXEMPLO FOI O CASO DE UM SENHOR
QUE TRABALHAVA COM EMPILHADEIRA E OCASIONOU UM ACIDENTE SO QUE O FATO OCORREU ONTEM E HOJE JA TINHA
SIDO DEPENSADO NEM ANALIZARAM O TRABALHO QUE ESTE SENHOR COM ALTO GRAU DE EXPERIÊNCIA E
RESPONSABILIDADE FEZ DURANTE 6 MESES E AQUELES QUE NAO MOVEM UMA PALHA PARA MELHORAR A EMPRESA
CONTINUA A NAO FAZER NADA,A FAZER PARTE DA `PANELINHA DO SUPERVISOR E LIDERES DO 3 TURNO QUE PARA
MIM NÃO SÃO LIDERES E SIM MOLEQUES BRINCANDO DE QUEM PODE MAIS.
DEIXO AQUI MINHA INDIGNAÇÃO
POIS NESTA EMPRESA PELO QUE SEI TRABALHA SERES HUMANOS E NÃO BICHO,E PEÇO TAMBEM PROVIDENCIAS
QUANTO A ESTES FATOS AQUI DECLARADOS E REPITO COM MUITA INDIGNAÇÃO MESMO ...


GRATO PELA ATENÇÃO.
Fabiano  - TPC SURRA TRABALHADORES.   |02-08-2011 06:44:00
Funcionários da Tpc presta serviços para J.MACEDO, estão SENDO SURRADOS. Trabalhando no limete
que um ser humano consegue, e com presões PSICOLOGICAS e ameasas de corte. trabalham além da
jornada de trabalho, que pode chegar a até 18 horas pór dia (maquina é maquina, homem é homem).
Área de expedição (ajudantes)principalmente. venho aquii deixar minha INDIGNAÇÃO. para com a
TPC.
jamilsom alves dos santos  - denuncia   |22-09-2011 07:46:20
estao esplorando funcionarios nao estao dando cestas basicas nao tem hora extras viraram banco de
hora nunca faltei e me mandaram enbora se falar nada para mim e nunca levei atestado medico e
karina delicias em minas gerais em sapucai merim nos ajudem
felipe  - denincia   |14-04-2012 09:22:43
trabalho aqui em Campos do Jordão -SP
na fabrica de chocolate Araucaria.
nunca recebi meu salario
no dia certo sempre com atraso de 15 dias ou mais
tentei obter informações com o sindicado da
alimentação aqui de Campos do Jordão onde ao relatar meu problema uma moça que trabalha no
sindicato
RIU da minha cara e me falou que essa empresa ja tinha mais de 100 processos em aberto e
que nada poderia ser feito e que se eu quisesse poderia estar abrindo um processo tambem mais não
ia adiantar nada

pois bem, para que serve o sindicado se nada pode fazer?
é uma porcaria o
sindicato da alimentação,a unica coisa que voces podem fazer é abrir um processo...
me arrependo
e muito de pagar aquela ""taxinha"" que vem descontando do meu holerite destinado ao
sindicato....

fica ai meu recado, mais o bom de saber que é opcional se voce quer ou não pagar o
sindicato...
Felipe  - DENUNCIA   |14-04-2012 13:44:21
trabalho aqui em Campos do Jordão -SP
na fabrica de chocolate Araucaria.
nunca recebi meu
salario
no dia certo sempre com atraso de 15 dias ou mais
tentei obter informações com o sindicado
da
alimentação aqui de Campos do Jordão onde ao relatar meu problema uma moça que trabalha
no
sindicato
RIU da minha cara e me falou que essa empresa ja tinha mais de 100 processos em aberto
e
que nada poderia ser feito e que se eu quisesse poderia estar abrindo um processo tambem mais
não
ia adiantar nada

pois bem, para que serve o sindicado se nada pode fazer?
é uma porcaria
o
sindicato da alimentação,a unica coisa que voces podem fazer é abrir um processo...
me
arrependo
e muito de pagar aquela ""taxinha"" que vem descontando do meu holerite
destinado ao
sindicato....

fica ai meu recado, mais o bom de saber que é opcional se voce quer ou
não pagar o
sindicato...
Roberta  - COMO FICAM OS EMPREGADOS DE PADARIAS   |15-04-2012 08:53:09
NÃO CONHEÇO UMA PADARIA QUE RESPEITE OS DIREITOS DE SEUS FUNCIONÁRIOS. SEM HORÁRIO DE
REFEIÇÃO, SEM CESTA BÁSICA, TRABALHANDO ALÉM DE SEUS HORÁRIOS SEM RECEBER HORA EXTRA...UMA
VERGONHA, ESSE SINDICATO GANHA DUAS VEZES, UMA DELAS É A TAXA ABSURDA QUE DESCONTA NA FOLHA DOS
BOBOS NÃO ESCLARECIDOS QUE PAGAM MUITAS VEZES, SEM RECLAMAR OUTRA TÁ MAIS DO QUE NA CARA, POIS
TRABALHAM PARA OS PATRÕES!!!REPUDIO ESTE SINDICATO QUE É UMA FARSA!!!!
andre  - sem vergonha a tpc   |18-04-2012 17:18:57
trabalho a um ano na TPC para não ficar desempregado passado sindimos por greves ajudamos a
J.Macêdo a conquistar o aumento da PLR e em 2011 a empresa negou pagar a PLR por falta de lucros e
em 2012 alega a mesma coisa não seria o caso a J.Macedo arca com essa responsabilidade que a TPC
esta tentando fugir porque o sindeespres abandou os trabalhadores e eu espero a compreençao do
sindicato da alimentaçao agradesso e espero voce aqui no portão da J.Macedo JULIO obrigado
Andrea Maria Pereira Leite  - folga   |09-09-2013 21:54:02
gostaria de sabe quando trabalhamos no feríado nos ganha 100% efolga tb
 - Panificado não dá descanso dominical   |21-11-2013 08:32:43
Não sou trabalhador da industria alimentícia, escrevo este e-mail, esperando que o exposto na
página não seja a expressão da realidade, que voces realmente sejam um sindicato sério.

Os
funcionários da Panificadora De Ville de São José dos Campos-SP, não dão folga aos seus
funcionários aos domingos.
Já trabalhei no comércio e que eu saiba é LEI que pelo menos uma
folga caia no domingo de cada mês.
Também não sei se os demais beneficios, são respeitados.

Por
gentileza tomem providencias.

Abraços
Escrever um comentário
Nome:
E-mail:
 
Título:
Por favor coloque o código anti-spam que você lê na imagem.

3.26 Copyright (C) 2008 Compojoom.com / Copyright (C) 2007 Alain Georgette / Copyright (C) 2006 Frantisek Hliva. All rights reserved."

 
Joomla 1.5 Templates by Joomlashack