Seção brasileira do Comitê por uma Internacional dos Trabalhadores

Seção brasileira do Comitê por uma Internacional dos Trabalhadores

Tese ao V Congresso Nacional do PSOL

Construir uma alternativa socialista unitária contra o “lulismo” e a direita

Uma tese da Liberdade, Socialismo e Revolução (LSR), Grupo de Ação Socialista (GAS), Reage Socialista, Alternativa Socialista Nova Práxis e independentes.
PSOL
Uh! É o Freixo! A nova Primavera Carioca desafia a direita no Rio de Janeiro Imprimir E-mail
Luciano Barboza, professor de história da rede municipal do Rio de Janeiro, diretor do SEPE-RJ e membro da direção executiva estadual do PSOL-RJ - 20 de outubro de 2016

Na noite do dia 2 de outubro de 2016, o deputado estadual mais votado do Brasil (Marcelo Freixo, PSOL-RJ) foi confirmado pelo TSE no segundo turno das eleições municipais do Rio de Janeiro, com 18,26% dos votos, mesmo tendo só 11 segundos de tempo de TV durante a campanha eleitoral. Essa vitória histórica é fruto do avanço das lutas dos movimentos sociais e sindicatos do Rio de Janeiro. As lutas derrotaram nas ruas, através das mobilizações dos trabalhadores e agora na urnas, o PMDB de Eduardo Paes e seu candidato e agressor de mulheres, Pedro Paulo.

Leia mais...
 
Alerta sobre alianças do PSOL Imprimir E-mail
Comitê Executivo da LSR - Liberdade, Socialismo e Revolução - 23 de julho de 2016

O potencial do PSOL nessas eleições foi reafirmado pelas pesquisas das últimas semanas. Ocupamos uma posição destacada em capitais como São Paulo, Natal, Rio de Janeiro, Porto Alegre e temos possibilidade de eleger prefeituras no interior. Esse cenário ocorre diante de uma grande insatisfação da população com os partidos tradicionais e o destaque que o PSOL ocupa, se apresentando como uma alternativa real de esquerda.

Leia mais...
 
O PSOL com Erundina: os desafios de representar a maioria Imprimir E-mail
Jane Barros - 22 de julho de 2016

Este ano acontecerão as primeiras eleições depois da Operação Lava Jato e do impeachment da presidenta Dilma. Vivemos um momento agudo da crise econômica, que se traduz também numa das maiores crises políticas que o Brasil já viu.

Leia mais...
 
Carta de Fortaleza pelo Bloco de Esquerda Socialista Imprimir E-mail
Bloco de Esquerda em Fortaleza - 17 de julho de 2016

Aos passarmos da marca dos dois meses do afastamento de Dilma Rousseff da presidência da república e da montagem do governo de Michel Temer é urgente avançar na organização do polo de resistência dos trabalhadores e da esquerda socialista tendo em vista que a continuidade do governo Temer é para nós sinônimo de uma perspectiva muito mais dura de que tudo o que já vivemos desde o fim dos governos militares em 1985.

Leia mais...
 
Mais artigos...
Joomla 1.5 Templates by Joomlashack